sábado, 28 de maio de 2016

Na Ressacada 'coisa' é verbo!

Foto: Jamira Furlani/Avaí Oficial

Hoje na Ressacada... O Avaí 'coisou'!
Aos doze minutos Renan fez coisa: uma defesaça!
Dos 30 aos 36 do primeiro tempo o nosso Avaí fez muita coisa:
3 gols (dois de William e um golaço de Jajá)
No segundo tempo William fez mais coisa e coisa linda: o seu terceiro gol
Depois disso o nosso Avaí deixou o Ceará fazer coisa: dois gols.
Então... nesse sábado cinzento, o Avaí devolveu a ilha sua cor natural: Azul.
E a torcida Avaiana conjugou, em todos os tempos, o verbo que é singularmente nosso: 'coisar'!
Avaí 4 x 2 Ceará.

quarta-feira, 25 de maio de 2016

Luverdense 1 x 1 Avaí

Foto: Facebok.com / Luverdense/Divulgação

Mesmo jogando muita atrás durante o primeiro tempo, foi o Avaí que abriu o placar numa enfiada de bola do Jajá para o Tatá que com qualidade, meteu a redonda por baixo do goleiro adversário. Primeiro ataque Avaiano diante de um Luverdense que levava perigo ao gol azurra, mas Renan fez novamente bem o seu trabalho. E foi ele quem nos garantiu a vitória no primeiro tempo.

No segundo tempo Tatá errou uma saída de bola da defesa para o ataque, e o Avaí mesmo com 4 jogadores na defesa, permitiu ao jogador do Luverdense entrar driblando para marcar o gol do empate.

Silas demorou para mexer, mas quando resolveu arriscar quase ganhou o jogo. Ele trocou todos os atacantes: entrando Rômulo, Toshi e Lucas Coelho. O Avaí foi ao ataque, mas não soube mudar o placar. Tivemos duas chances de desempatar: uma nos pés do Romarinho e outra com Jajá, que recebeu um passe perfeito do Rômulo na entrada da área, mas chutou por cima do gol

Nesse esquema que Silas vem usando precisamos ter mais velocidade na transição da defesa para o ataque.  E isso tem que ser feito usando as alas. Silas prende os laterais e usa Tauã e Romarinho como pontas, precisamos fazer render essa jogada. Os laterais precisam acompanhar os 'pontas, subindo algumas vezes, com velocidade para o ataque, assim vai ficar mais fácil criar por ali. Estamos jogando sem um meia e sendo assim, estamos com pouca saída de bola pela meia cancha. Sá está jogando (e bem) improvisado de volante ao lado de Tatá. Jajá joga 'flutuando' entre a meia cancha e o ataque, e  foi numa das poucas jogadas pela meia entre Tatá e Jajá que aconteceu o único gol Avaiano.
William não teve quase nenhuma participação na partida pela falta de qualidade nas jogadas pelas alas por ser um jogador que joga melhor dentro da pequena área e não saindo dela como está fazendo. Enquanto estivermos sem um meia, precisamos aprimorar as jogadas pelas alas e ter em campo um atacante mais veloz.

segunda-feira, 23 de maio de 2016

Conselho elege Claudio da Silva para vice-presidente do Avaí

Foto: Avaí Oficial

O Conselho Deliberativo do Avaí elegeu na noite desta segunda-feira (23) o novo vice-presidente do Clube. Claudio da Silva foi eleito por aclamação, com a presença representativa dos conselheiros e, também, com representantes da Torcida Organizada. Cláudio da Silva é a partir de agora o vice de Francisco José Battistotti.

A Reunião Extraordinária aconteceu no auditório do Estádio da Ressacada. Após a leitura, análise e aprovação da Ata da Reunião Anterior, o presidente do Conselho Deliberativo, Dr. Alessandro Balbi Abreu, deu início a votação.

“Estando todos os critérios para a eleição respeitados conforme o que determina o Estatuto e havendo apenas um candidato, a eleição será por aclamação”, proferiu Alessandro Abreu.

O Conselheiro Cláudio da Silva, 49 anos, é o atual presidente do Conselho Fiscal. Natural de Florianópolis, é contador.

Após aclamado novo vice-presidente, Claudio da Silva expôs aos conselheiros presentes o seu plano de ação que tem por objetivo sanear administrativa e financeiramente o clube em curto e médio prazo.

Agradeço a confiança deste Conselho em aceitar o meu nome. Vamos trabalhar com muito empenho e serenidade, buscando as melhores ações para o clube e as parcerias necessárias para dar ao Avaí a condição de chegar ao final do ano com todas as suas contas pagas”, comentou Cláudio da Silva.

Fonte: Site Oficial do Avaí Futebol Clube

sábado, 21 de maio de 2016

...e N.S. da Ressacada disse: ta tá!

Foto: Petra Mafalda / MAFALDA PRESS

Vencemos!
Com gol do artilheiro William e outro golaço de Tatá, o Avaí venceu o limitado Sampaio Corrêa na nossa bela Ressacada.
João Paulo deu vida a lateral esquerda; Renato hoje foi bem na marcação; Lucas de Sá soube não só trabalhar bem como volante, mas também quando teve liberdade trabalhou bem como meia, após a saída de Vinícius Pacheco que vinha novamente fazendo um bom jogo, saiu por lesão séria no joelho. 
Tauã novamente se movimentou muito tanto na defesa como no ataque. Se tiver um pouquinho mais de visão do jogo vai melhorar seu desempenho no ataque. Foi dele o passe para o gol do William. 
Mesmo recuando muito durante o segundo tempo e com uma mexida equivocada do técnico Silas, ao colocar Tatá que não entrou bem no jogo, o Avaí começou a ser pressionado e quase complicou a partida. Ainda entraram Rafinha e Lucas Coelho. Rafinha buscou o jogo, Coelho se movimentou pouco. Estiverem pouco tempo em campo para se fazer uma análise mais correta.
Quando a gente começava a rezar pra Nossa Senhora da Ressacada terminar o jogo, ela disse: 
- " ta tá! "
Que golaço! (esse Avaí faz coisa quando a Santinha resolve iluminar um dos nossos)

sábado, 14 de maio de 2016

Wir verlieren wieder!

Foto: globoesporte.com

O nosso Avaí mesmo jogando com um jogador a menos desde os 18 minutos do primeiro tempo (Alemão foi expulso);  jogando sem um volante de marcação e jogando com uma avenida chamada Vitor Costa, durante todo o primeiro tempo; perdeu apenas de 2 x 1 para o Bahia na Fonte Nova. Renan é um baita goleiro e fez defesas que seguraram o placar. Silas em decorrência da expulsão tirou William e colocou Fábio Sanches em campo. Se entramos em campo com improvisações e com um time em formação, a expulsão do Alemão nos prejudicou muito. O primeiro gol no final do primeiro tempo contou com a falha dos nossos zagueiros e o segundo gol baiano, foi um golaço de letra do  Zé Roberto que havia marcado o primeiro de cabeça.

O Avaí precisa urgentemente de um lateral e de volantes marcadores. Silas improvisou novamente Lucas de Sá de volante e depois improvisou esse mesmo jogador de lateral ao substituir Vitor Costa por Tatá. Alias, Tatá e Jajá ainda não me convenceram. Silas demorou pra mexer novamente. Só quando o jogo já estava dois a zero ele tirou o 'coringa' Lucas de Sá e colocou Lucas Fernandes. Não acrescentou muito a entrada desse jogador. Silas não levou nenhum volante pra deixar no banco. Gostei do Romarinho e do Vinícius Pacheco. Tauã novamente se movimentou muito no ataque e na defesa, tem disciplina tática, mas falta lucidez em muitos momentos do jogo.

O Bahia jogou pro gasto, não se precipitou e não se lançou ao ataque, mas jogando com um homem a mais manteve a posse de bola. O Avaí não tinha forças nem qualidade para contra atacar e errou muitos passes e claro, postado defensivamente. Numa única jogada com qualidade de contra ataque ao final do segundo tempo, Vinícius Pacheco e Tauã conseguiram tabelar: Tauã invade a área pela esquerda, bate na saída de Lomba e, no rebote, Vinícius Pacheco completa para as redes!

Obs: O título do post traduzindo do alemão para o bom português: Perdemos de novo!

quarta-feira, 11 de maio de 2016

Rasgando dinheiro



Silas: Se queres trazer o Ferdinando pra justificar isso não precisas  'queimar' um meia bom e de futuro da nossa base. Colocar o Lucas Itamir De Sá de volante?
Um clube que fatia, vende e queima a sua base...
Avaí rasgando dinheiro. Tá 'serto'!
‪#‎Medo‬ #casadamãejoana 

Avaí fora da Copa do Brasil

Foto: Jamira Furlani/Avaí FC

Com um time sem entrosamento, o Avaí não  conseguiu apresentar um bom futebol e  empatou com o Bragantino. Empate que tira o nosso time da Copa do Brasil. 
É prematuro analisar os jogadores que estrearam hoje. Mas ficou claro que o Avaí não tem um camisa dez; está jogando sem um volante de marcação e problema sério: o seu camisa 6.  
Faltou entrosamento, velocidade, muitas vezes ousadia e um ataque mais efetivo. William não está apresentando um bom futebol faz tempo. Tauã a gente já conhece: tem limitações, mas tem sido um atacante esforçado e disciplinado taticamente. Rômulo continua devendo. O time está em construção, mas visivelmente nos mostrou que estão faltando alguns 'tijolos' para fortalecer e qualificar o elenco.

Gostei do Vinícius Pacheco: mostrou boa movimentação, qualidade no passe assim como vontade de jogar bola; não gostei do Jajá e também não gostei do Tatá. Espero que a primeira impressão não seja a que fique e que esses dois jogadores possam render mais. Não gostei da posição em que Silas colocou o Lucas de Sá, e Lucas mesmo jogando como volante apresentou um bom futebol. Não entendi a sua substituição. Gostei do Alemão, jogador voluntarioso, raçudo. 

Silas, na minha opinião, não soube montar a meia cancha Avaiana para o jogo de hoje. Mas novamente vou esperar para ver esse time nos próximos jogos. É urgente que se encontre no elenco ou em reforços um volante, um meia e um lateral.  Achei o Avaí com muitos passes para o lado e muito lento na saída para o jogo. Tudo deve e precisa ser consertado para que o Avaí possa disputar o brasileiro com um time mais qualificado.

segunda-feira, 9 de maio de 2016

Eleição para vice-presidente do Avaí



O Presidente do Conselho Deliberativo do Avaí Futebol Clube, no uso de suas atribuições, conforme artigo 41 do Estatuto Social, e CONSIDERANDO a renúncia do Senhor Presidente da Diretoria Executiva, Senhor NILTON MACEDO MACHADO, em 15 de abril de 2016; CONSIDERANDO que o Vice-Presidente da Diretoria Executiva, Senhor FRANSCISCO JOSÉ BATTISTOTTI, em cumprimento ao artigo 60 do Estatuto Social, assumiu as funções de Presidente da Diretoria Executiva na mesma data, provocando a vacância do cargo de Vice-Presidente da Diretoria Executiva, e CONSIDERANDO que o Conselho Deliberativo, em cumprimento ao disposto no artigo 61 do Estatuto Social, deve eleger um novo Vice-Presidente da Diretoria Executiva.

RESOLVE
Abrir inscrições para que os Sócios do Avaí Futebol Clube, que preencham os requisitos previstos no artigo 74 do Estatuto Social, se candidatem ao cargo de Vice-Presidente da Diretoria Executiva, cuja eleição será realizada em Reunião Extraordinária do Conselho Deliberativo, em 23 de maio de 2016, cujo Edital será publicado em prazo próprio.
As inscrições deverão ser apresentadas à Secretaria do Clube, endereçadas ao Presidente ao Conselho Deliberativo, com antecedência mínima de 72 (setenta e duas) horas antes da reunião citada no parágrafo anterior.

Florianópolis, 04 de maio de 2016.
ALESSANDRO BALBI ABREU
Presidente do Conselho Deliberativo

Em Santa Catarina o futebol tem 'Chefe'


Parabéns, Chapecoense!!!